Todas as edições do curso

  • BRAGA
  • 27/05/2019
  • Pós-Laboral
Inscrever Detalhes
Manifestar interesse

Informação sobre o curso

  • 50

  • 0.00

  • Condições de Inscrição

    Adultos em idade Ativa (18 aos 64 anos), em processo de qualificação e/ou reconversão profissional:
    - Ativos/as empregados/as, com habilitação igual ou superior ao 3º ciclo.
    - Ativos/as desempregados/as, com habilitação igual ou superior ao ensino secundário.

    Sendo uma formação de nível 4 (destinada preferencialmente a adultos com escolaridade entre o 3º ciclo e o ensino secundário), o curso pode integrar formandos com estudos superiores (bacharelato, licenciatura, pós-graduação e mestrado).


    Documentação a apresentar pelos candidatos, de suporte ao "Processo de Inscrição e Seleção":

    a) Ativos por conta de Outrém - Cópia do recibo de vencimento do mês anterior ao do inicio da formação ou declaração da Entidade Patronal atestanto que o formando é colaborador dessa entidade;
    b)Empresários em nome indicidual ou Trabalhadores independentes - impressão da situação profissional extraída do site da AT;
    c) Desempregados - Declaração do IEFP em como se encontra inscrito, com data não superior a um mês.


    Possibilidade dos formandos fazerem apenas uma das duas UFCDs deste percurso de duas, sendo dada prioridade de seleção aos formandos que se inscrevam nas duas UFCDs.

  • Área de Formação

    Trabalho Social e Orientação

  • Referencial de Formação

    Animador Sociocultural

  • Conteúdos Programáticos

    UFDC 4266 - Comunicação visual – 50 Horas:

    • Apresentação de um projeto artístico contemporâneo como ponto de partida aos conceitos de storytelling e personalização
    • Produção de suportes. Estrutura, organização e hierarquia de informação
    • Planeamento de estratégia de divulgação de ação/evento através de e-mail marketing
    • Integração com presença da marca/projeto online e offline
    • Padrões de comunicação visual e planeamento gráfico
    • Planificação e divulgação de um evento ou atividade através de redes sociais: caso do Facebook
    • Integração com presença da marca/projeto online e offline
    • Análise de públicos e audiências
    • Medição de retorno e estatísticas
    • Divulgação e marketing cultural
    • Criação de plano de marketing cultural
    • Planeamento de estratégia de divulgação da marca/projeto através de diferentes técnicas de Search Engine Optimization
    • Ligação entre desenvolvimento tecnológico, produção artística e tendências de comunicação
    • Indicadores de medição de ações
    • Interligação ações online e offline
    • Introdução ao novo Regulamento Geral de Proteção de Dados
    • A Identidade Visual e Planeamento de estratégia de divulgação de ação/evento através de diferentes estratégias: Search Marketing Optimization

  • Objectivo Geral

    Capacitar os formandos com conhecimentos, técnicas e estratégias para a dinamização e comunicação de atividades turísticas e culturais em espaços culturais e pontos de informação (museus, postos de turismo, associações sócio-culturais, empresas de animação turística, unidades hoteleiras).

  • Observações

    Formadora: Ana Catarina Martins: Licenciatura em Ciências da Comunicação – Informação e Jornalismo pela Universidade do Minho; mestrado em Comunicação Audiovisual – Fotografia Documental pela Escola de Música e Artes do Espetáculo; pós-Graduação em Marketing Digital e E-Business pela UMinho Exec & ANJE. Estagiou no Porto Canal, na equipa de Produção de Informação e no Festival Internacional de Fotografia Encontros da Imagem, como Assistente de Comunicação e Produção. Integrou a equipa de Comunicação no dstgroup (sede: Braga) até assumir as áreas da Comunicação, Comercial e Produção da zet gallery, plataforma de divulgação e comercialização de arte contemporânea, projeto do dstgroup.

    Foi responsavel por esta UFCD na anterior edição deste curso tendo tido a avaliação global de 4,8 valores (na escala de 1 a 5).

  • Metodologia

    As metodologias predominantes a adotar são as seguintes:
    Método Expositivo – exposição dialogada; apresentações multimédias e exploração documental.
    Método Interrogativo - verificação de conhecimentos prévios que os formandos possuem no início dos módulos/ UFCD e verificação de conhecimentos adquiridos ao longo dos módulos/UFCD.
    Métodos Ativos - Centrado nos formandos com recurso a técnicas como estudos caso, dinâmicas de grupo, trabalhos individuais e de grupo com pesquisa.

Manifestar interesse